quinta-feira, dezembro 31, 2009

Ano Novo

Começar o ano novo confiando em números, profecias, cores e cartas marcadas parece ser uma opção. Mas não das mais seguras. Pois é uma opção que não nos deixa opção, mas sim, nos deixa reféns. Refens daquilo que está lá fora, do aleatório, do que achamos que não podemos controlar, seguindo um caminho que alguém supostamente já desenhou.

Melhor opção sempre é: ter opção. Poder planejar, trabalhar, ter objetivo e coragem de seguir. Arrepender-se do que se se fez de errado, investir no que pode dar certo. Baixar a ansiedade, a angustia e o medo do futuro e elevar os olhos, o coração e o horizonte. Agradecer pelo ano que termina. Agradecer pelo ano que começa.

E mais ainda: confiar. Para seguir em frente, quando temos fé, temos mais do que apenas nós mesmos. Confiamos em Deus para nos guiar os passos e trabalhamos com nossas mãos para construir o futuro. E temos aA Segurança de saber que em cada passo da estrada estamos nas mãos de quem conhece o caminho.

Para mais este Ano Novo, melhor do que fazer promessas é confiar nas promessas. As promessas de Deus, que nos fortalecem para podermos ai sim, com força, garra e talento, cumprir as nossas.

Milagre de Natal

Mãe e filho morrem em trabalho de parto e voltam à vida momentos depois

Segundo o marido, Mike:

"Eu e minha mulher temos fé em Deus. Mas mesmo uma pessoa que não acredite em milagres não terá argumentos para contestar o que aconteceu. Não houve explicação, é a mão de Deus”, '


Tracy Hermanstorfer estava no hospital, se preparando para o trabalho de parto, quando começou a sentir-se sonolenta. Recostou-se na poltrona e, sem que os médicos conseguissem achar o motivo, perdeu todos os seus sinais vitais: o coração parou de bater, ela parou de respirar e não havia pressão sanguínea em seu corpo.

O marido, Mike, acompanhava todo o processo e ouviu dos médicos que o melhor naquele momento seria retirar o bebê através de uma cesariana. Mas, para sua segunda surpresa, Coltyn saiu da barriga de Tracy completamente sem sinal de vida. “Senti que tudo o que eu tinha nesse mundo estava sendo tirado de mim”, relata Mike. Mas a terceira surpresa do dia foi que, depois de alguns instantes, os pequenos bracinhos da criança começaram a se movimentar e ele, enfim, começou a respirar.

Uma equipe médica tratou de cuidar da criança recém-nascida enquanto outra ficou tentando reanimar Tracy, que estava sem batimentos cardíacos. Misteriosamente e sem nenhuma explicação, ela voltou à vida momentos depois. “Não dá pra explicar porque o coração dela parou de bater e, alguns minutos depois, voltou à vida. Fizemos uma investigação rigorosa e simplesmente não conseguimos entender o que aconteceu.”, explica Stephania Martin, médica especialista em medicina materno-fetal do Hospital Memorial Colorado Springs, nos Estados Unidos, em entrevista ao tablóide britânico Daily Mail. Ela era uma das médicas que estavam presentes na sala no momento do parto.

http://www.revistapaisefilhos.com.br/htdocs/index.php?id_pg=99&id_txt=3021

terça-feira, dezembro 29, 2009

Com clareza

O garoto comia uma maçã no banco de trás do carro, quando perguntou:
-Pai, por que a maçã ficou marrom?
O pai respondeu:
-Pelo seguinte, filho: depois que você mordeu a casca a polpa da maçã, ela entrou em contato com o ar, o que fez com que oxidasse e assim, tivesse sua estrutura molecular alterada, fazendo com que ficasse com uma cor diferente.
Após um certo silêncio, Mateus perguntou suavemente.
-Pai... você está falando comigo?”


Às vezes temos a mesma reação diante da Palavra de Deus. Parece, às vezes, que não foi escrita em nossa língua, com passagens de difícil compreensão. Mas à medida em que a estudamos, e ela passa a fazer parte de nossa vida cotidiana, com mais clareza e segurança podemos ouvir a voz do Pai falando aos nossos corações.

Ao iniciarmos um novo ano, muitas são as vozes que tentam se fazer ouvir, com palavras, promessas e previsões - aparentemente claras e confiáveis. Mas se não vêm do Pai, não valem a pena. É muito mais seguro prestar atenção ao que Ele diz. Sua Palavra é orientação certa para não só para o ano que inicia. É sustentação e força para a vida inteira..

Pois ela jamais oxida.


(fonte da ilustração)

domingo, dezembro 27, 2009

+ Reprise


Foto: Michael T. Jr.

Mais uma oportunidade, hoje, domingo, 14h

_Na primeira parte, a história especial “Um Toque de Natal”.
S. Donato é um homem amargurado e já descrente da vida. Luta para se reconstruir e não recair no vício.
Este seria só mais um fim de ano de trabalho. Só que um presente inesperado vai tornar seu Natal inesquecível.

_Logo após, o Concerto de Natal. Coros, Orquestra e comunidade entoando canções tradicionais natalinas, intercaladas com a narrativa do primeiro Natal. Música, arte e fé, com um final emocionante.



Ulbra TV
Canal 48 UHF e 21 da NET (Poa)
(veja
neste link lista completa de retransmissoras e como assistir via parabólica)
Na internet
http://www.tvi.com.br/video/0,VIDEO,5,21,104,0,EX-1,TVS+ONLINE+ULBRA+TV,00.html

sexta-feira, dezembro 25, 2009

Reprise

Foto: Michel T. Jr.

Hoje tem reprise, 13h, a Ulbra TV.

_Na primeira parte, a história especial “Um Toque de Natal”.
S. Donato é um homem amargurado e já descrente da vida. Luta para se reconstruir e não recair no vício.
Este seria só mais um fim de ano de trabalho. Só que um presente inesperado vai tornar seu Natal inesquecível.

_Logo após, o Concerto de Natal. Coros, Orquestra e comunidade entoando canções tradicionais natalinas, intercaladas com a narrativa do primeiro Natal. Música, arte e fé, com um final emocionante.

Os horários em que o Especial de Natal vai ao ar na Ulbra TV:

E ainda:

26.12 - 6h30
27.12- 14h


Ulbra TV
Canal 48 UHF e 21 da NET (Poa)
(veja
neste link lista completa de retransmissoras e como assistir via parabólica)
Na internet
http://www.tvi.com.br/video/0,VIDEO,5,21,104,0,EX-1,TVS+ONLINE+ULBRA+TV,00.htm

quinta-feira, dezembro 24, 2009

Feliz Natal

Obrigado a cada leitor e cada leitora por terem estado conosco ao longo de 2009. É uma grande alegria tê-los por perto a cada semana do ano.

Um Feliz e abençoado Natal de Jesus a todos e a cada um de vocês!

quarta-feira, dezembro 23, 2009

Especial da Natal Ulbra TV

Foto: Natacha Teske/Acs ULBRA

Não esqueça de marcar na agenda. Especial de Natal da Ulbra TV, dia 24.12, 20h30.

_Na primeira parte, a história especial “Um Toque de Natal”.
S. Donato é um homem amargurado e já descrente da vida. Luta para se reconstruir e não recair no vício.
Este seria só mais um fim de ano de trabalho. Só que um presente inesperado vai tornar seu Natal inesquecível.

_Logo após, o Concerto de Natal. Coros, Orquestra e comunidade entoando canções tradicionais natalinas, intercaladas com a narrativa do primeiro Natal. Música, arte e fé, com um final emocionante.

Os horários em que o Especial de Natal vai ao ar na Ulbra TV:

24.12 – 20h30

25.12 – 0h30, 13h
26.12 - 6h30
27.12- 14h


Especial de Natal 2009 Ulbra TV.
Deixe esta mensagem de Natal tocar o seu coração!


Ulbra TV
Canal 48 UHF e 21 da NET (Poa)
(veja neste link lista completa de retransmissoras e como assistir via parabólica)


Na internet
http://www.tvi.com.br/video/0,VIDEO,5,21,104,0,EX-1,TVS+ONLINE+ULBRA+TV,00.html

Parte da vida

Recebi várias mensagens esta semana com desejo de Feliz Natal. Algumas delas traziam uma expressão como: “a todos vocês que fazem parte de minha vida”, “obrigado por fazerem parte da minha vida’, e semelhantes.

Creio que todos nós gostamos de fazer parte da vida de alguém ou de termos pessoas especiais fazendo parte da nossa. Revela importância, cuidado, presença, sentimento. E o Natal traz à tona esta gratidão e alegria de, em fé, pertencermos uns aos outros e também á mesma família de Deus

Mas o aspecto que me deixou mais contente foi que todas as mensagens, todas elas, desejavam um Feliz Natal. E não ‘boas festas’ ou ‘bom feriadão’. Isto mostra que Deus continua a fazer parte da vida de cada um. E que o Natal permanece com seu sentido mais precioso.
Festas, existem muitas. Feriadões, alguns. Mas Natal, é um só - o de Jesus Cristo, que vem ao encontro do ser humano para fazer parte da sua vida. Hoje, amanhã. Sempre

E ele vem fazer parte da nossa vida não apenas em parte. Sua presença é por completo em cada coração.

sábado, dezembro 19, 2009

Especial de Natal Ulbra TV

Foto: Natacha Teske/Acs ULBRA

Nãoe squeça de marcar na agenda. Especial de Natal da Ulbra TV, dia 24.12, 20h30.



_Na primeira parte, a história especial “Um Toque de Natal”.
S. Donato é um homem amargurado e já descrente da vida. Luta para se reconstruir e não recair no vício.
Este seria só mais um fim de ano de trabalho. Só que um presente inesperado vai tornar seu Natal inesquecível.

_Logo após, o Concerto de Natal. Coros, Orquestra e comunidade entoando canções tradicionais natalinas, intercaladas com a narrativa do primeiro Natal. Música, arte e fé, com um final emocionante.

Os horários em que o Especial de Natal vai ao ar na Ulbra TV:

24.12 – 20h30

25.12 – 0h30, 13h
26.12 - 6h30
27.12- 14h


Especial de Natal 2009 Ulbra TV.
Deixe esta mensagem de Natal tocar o seu coração!


Ulbra TV
Canal 48 UHF e 21 da NET (Poa)
(veja neste link lista completa de retransmissoras e como assistir via parabólica)


Na internet
http://www.tvi.com.br/video/0,VIDEO,5,21,104,0,EX-1,TVS+ONLINE+ULBRA+TV,00.html

sexta-feira, dezembro 18, 2009

Sorteio

Está feito o sorteio das Agendas Ulbra TV 2009. Um ganhador de cada lado, um rapaz e uma moça. A promoção foi exclusiva para os leitores cadastrados no Toque de Vida por email.
Clique e confira:

video

Obrigado a todos os que participaram. Ano que vem tem mais!

Ainda não é cadastrado? Escreva!
toquedevida@ulbratv.com.br

Top model

Ivete Sangalo, que esteve ontem em Porto Alegre na festa do centenário do Inter, tornou-se mamãe recentemente. Dá para ser dizer que ela é uma das top models da música brasileira, juntando voz, técnica e beleza, arrastando multidões.

Gisele Bündchen, top model das passarelas mundiais, é outra que tornou-se mãe há pouco tempo. Não tenho noticia de que ela cante, mas também atrai milhões de olhares para o seu trabalho e talento.

E a top model Maria, você conhece? Creio que conhece, mas não como este titulo. Maria foi mamãe já há bastante tempo e enfrentou muitas dificuldades para dar à luz a seu filho. Tanto que ele não nasce num quarto de hospital, mas sim numa estrebaria.

Maria, mãe de Jesus.

Mas porque chamar Maria de top model? Porque ela é top model, modelo máximo, entre as mulheres, o modelo de mãe. Mas não só isso. Também modelo de serviço. Ela submete-se à vontade de Deus, mesmo sabendo das dificuldades que enfrentaria. Na sociedade de então, ser mãe sem ser casada e ainda afirmar que José não era o pai... não acabaria bem.
Mas, felizmente, acabou. A profecia se cumpriu. Jesus nasceu e, assim, o primeiro Natal, que gera toda a festa e alegria celebrada neste período do ano.

E esta modelo não quis atrair olhares e arrastar multidões para si. Ela sabia ser e queria ser um instrumento nas mãos de Deus para dirigir olhares e multidões verdadeiro Modelo, Messias, Salvador. Seu Filho, Jesus Cristo, o Salvador dela e de todos nós.

E mais um detalhe: esta top model bíblica também fez uma música. Sucesso mundial. Expressou com sua voz belas palavras (não sabemos a melodia) naquele que ficou conhecido como o Cântico de Maria: “A minha alma engrandece ao Senhor e o meu espírito se alegrou em Deus, meu Salvador”


(inspirado em uma idéia do Pastor G. Grasel,
capelão-geral da Ulbra)

quinta-feira, dezembro 17, 2009

Naturezas

Em Copenhague, Dinamarca, estão reunidos os líderes mundiais na reunião COP15, promovida pela ONU. O propósito: salvar o planeta. Quer dizer, não exatamente agora, mas começando agora. Planos, acordos e estratégias para um futuro sustentável da Terra. A reunião começou dia 07 de dezembro e encerra amanhã. Está lá o ser humano, sentado, negociando, procurando meios de superar um problema que ele mesmo criou.

Mas ai me surge a dúvida. À parte do fato de que negócios, interesses, lucros e vantagens estão envolvidos no jogo e atrapalham bastante, se o ser humano é quem estragou e estraga tudo, será capaz ele próprio de achar e ser um meio de consertar?

O desenrolar das negociações parece dizer que não, não haverá acordos tão promissores. E não adianta só dizermos “esses caras lá só pensam no lucro, ganância, não se preocupam. etc. etc. etc”, Todos nós, ricos, pobres ou nem tanto, estamos juntos, em maior ou menor escala. Ou os manifestantes que lá estão - e nós, aqui mesmo - não usamos celular, andamos de carro, compramos, consumimos, gastamos?...

Por que este desequilíbrio todo? Assunto complexo. Mas uma resposta concisa seria: porque o homem decidiu deixar de agir como homem. E resolveu agir como deus.

Por isso Deus, que é Deus de fato, precisou intervir como homem..

E aí entra a História do Natal. O ser humano, querendo a natureza divina, estragou a criação perfeita. E não acharia um meio de consertar. Deus então assume a natureza humana e cria o Natal: o menino Jesus que vem para salvar o planeta de sua maior praga destruidora - o homem. Ou, como outro autor já escreveu, salvar o homem de si mesmo. No fundo, precisamos mesmo disto - sermos transformados em nossa ganância, egoísmo e indiferença. Mudados para viver uma vida de harmonia com o outro. conosco mesmos, com a natureza. Com o Criador.

Claro, passa pela natureza humana a responsabilidade de preservação do planeta. Precisamos pressionar nossos líderes para que nos liderem para um mundo melhor, sustentável, preservado. E agirmos de acordo. Mas o Natal nos lembra de que o ser humano é humano, limitado, sozinho não consegue. Precisa da Mão do Criador..

Em suma, colocar as naturezas no seu lugar. O ser humano ser humano. E deixar Deus ser Deus.

“Um Toque de Natal” + Concerto de Natal

Foto: Natacha Teske/Acs ULBRA

O Especial de Natal da Ulbra TV este ano traz dois momentos especiais emoção, alegria e reflexão.

_Na primeira parte, a história especial “Um Toque de Natal”.
S. Donato é um homem amargurado e já descrente da vida. Luta para se reconstruir e não recair no vício.
Este seria só mais um fim de ano de trabalho. Só que um presente inesperado vai tornar seu Natal inesquecível.

_Logo após, o Concerto de Natal. Coros, Orquestra e comunidade entoando canções tradicionais natalinas, intercaladas com a narrativa do primeiro Natal. Música, arte e fé, com um final emocionante.

Os horários em que o Especial de Natal vai ao ar na Ulbra TV:

24.12 – 20h30

25.12 – 0h30, 13h
26.12 - 6h30
27.12- 14h


Especial de Natal 2009 Ulbra TV.
Deixe esta mensagem de Natal tocar o seu coração!


Ulbra TV
Canal 48 UHF e 21 da NET (Poa)
(veja neste link lista completa de retransmissoras e como assistir via parabólica)


Na internet
http://www.tvi.com.br/video/0,VIDEO,5,21,104,0,EX-1,TVS+ONLINE+ULBRA+TV,00.html

quarta-feira, dezembro 16, 2009

No Natal muitos acendem luzes; outros, permanecem na escuridão.

Vontades

Tem dias que a gente tem algumas vontades. Mas daquelas que não dá pra levar adiante.
Pode ser a vontade de bater em alguém. Vontade de gritar e falar palavrão. A vontade de comer além da conta ou de beber até cair. Vontade de enganar ou trair, vontade de fugir, de mentir, de não fazer. E muitas outras. Todas elas prejudiciais, porque não se fundamentam em princípios, mas sim em sentimentos de momento. E sabemos que este tipo de pensamento momentâneo pode eternizar instantes dos quais vamos nos arrepender amargamente muito tempo depois.

Hoje me aconteceu um destes. Como já escrevi no texto ‘parênteses’, outro dia, eu não sou o cara que está só sorrindo, só de bem com a vida, só ‘light’ o tempo todo. Também tenho meus momentos de frustração, angústia e vontade de gritar. Felizmente Deus colocou pessoas em minha vida com quem posso falar o que estou pensando, fazer passar o que não pode ficar. Imagino que você também tenha pessoas assim, amigos, familiares, pessoas próximas. Um ouvido para compreender.

E felizmente Deus colocou também em nosso caminho o perdão, que é a única ponte que nos leva da culpa para o alívio, da frustração para a renovação. Do erro para o novo coração. Se assim não fosse, nossas vontades acumulariam tanta culpa que acabaríamos soterrados, sem recuperação.
Para os dias em que nossos impulsos querem falar mais alto, temos a voz do Pai que fala suave ao coração, nos demovendo do que nunca nos beneficia e nos apontando o caminho em que está o perdão. E com ele a paz, compreensão, nova força, nova visão. Ver diferente para poder agir com diferença.

Somos seres de vontades, é certo. Mas também, pela fé, pessoas de domínio, controle, coração. Podemos até ceder em alguns momentos, por fraqueza. Mas podemos também pedir ao Pai que nos mantenha firmes, na melhor direção.

segunda-feira, dezembro 14, 2009

For unto us

Coro Sacro e Orquestra Sacra da Ulbra executando 'For unto us a child is born', do Messias de Handel, no terceiro concerto de Advento 2009, comunicade da Cruz, Porto Alegre.

Regência: Maestro Pastor Paulo Brum.

Natal: festa promovida pelos adultos que sempre é melhor aproveitada sendo criança.

Algo diferente

A gente tenta escrever algo diferente no Natal, mas a história é sempre a mesma. O menino Jesus nasce em Belém porque Deus decidiu salvar o ser humano. Então ele mesmo, Deus, assume forma humana - o Filho, que pisa o mesmo solo que cada um de nós. Não porque tinha que. Não porque foi obrigado. Unicamente porque quis. Amor. Principio que, aliás, tem feito muita falta aqui no solo onde Ele pisou.

Aí a gente escreve algo igual.

Só que o Natal sempre acaba tendo alguma coisa que é diferente.

Ou o período natalino deste ano é mesmo que o ano passado? Você está do mesmo jeito? No mesmo lugar? Com, as mesmas idéias? Nada conquistado, nada perdido? Não existem peças que se moveram de lugar? O corte de cabelo, o sapato, o canal de TV, tudo igual? Nada de novo 365 dias depois?

Não creio. O mesmo viajante nunca percorre do mesmo jeito a mesma estrada. Uma árvore não dá o mesmo fruto a cada estação. Tudo parece igual, mas muito há que está diferente,

Esta mistura entre diferença e semelhança, este acordo entre o imutável e a mutação, esta convergência entre o que não muda e o que não pára é a própria essência do que é Natal. Do que é a vida. Porque o menino de Belém veio para mudar o mundo com um Amor que é sempre igual. Veio para mudar corações para que, então, não mudem mais. Mostrando que viver é olhar em frente, mas sem deixar de olhar pra cima.

É por isso que, no fim, não é necessário tanta preocupação em falar sobre o mesmo a cada novo Natal. Porque o essencial não precisa de mudança.

E sempre há algo diferente no que a gente acaba de escrever.

Concerto de Advento, Especial de Natal

Algumas das belas imagens captadas pelo fotógrafo Michael T. Jr. sábado, na capela Universitária.
O Concerto de Advento foi gravado pela Ulbra TV e vai ao ar na noite de Natal, no especial "Um Toque de natal".

Não perca:

24.12 - 20h30
25.12 - 0h30
13h

Acesse mais fotos no site do Michael Jr,

















domingo, dezembro 13, 2009

Concerto de Advento - final

Orquestra e Coro Sacros da ULBRA realizam apresentações

Ultima oportunidade hoje:


_13/12 (R. João Obino, 130, Petrópolis – Porto Alegre),

sempre às 20h.

Entrada: 1kg de alimento não perecível.


(Fonte: ACS Ulbra)


sexta-feira, dezembro 11, 2009

Concertos de Advento 2009

Orquestra e Coro Sacros da ULBRA realizam apresentações

Ainda mais duas oportunidades. Os concertos marcam o período que antecede o Natal, o Advento. Participam a Orquestra e Coro Sacros da ULBRA, Corais das Comunidades Luteranas ‘Da Cruz’ e Concórdia e o Grupo Vocal da Concórdia, além de músicos e solistas convidados.


_12/12 (Capela da Ulbra - Av. Farroupilha, 8001 – Canoas)
_13/12 (R. João Obino, 130, Petrópolis – Porto Alegre),
sempre às 20h.

Entrada: 1kg de alimento não perecível. Informações pelo telefone 3061.2823 e 3334.1110.



(Fonte: ACS Ulbra)

Destaque o concerto deste dia 12.12, na capela da Ulbra, será gravado como especial da Natal da Ulbra TV.

Quem é Deus

Deus não é despertador, mas acorda o sol todas as manhãs.
Ele não é ativista, mas cuida da natureza a cada que vai começar.
Não é exatemente um pintor, mas desenha paisagens que ficam gravadas na retina.
Ele não é controle remoto, mas está sempre ao alcance da mão.
Deus não é teste de revista, mas revela exatamente como costumamos nos comportar.
Nâo é carro do ano, mas traz conforto, segurança e tranquilidade para viajar.
Ele não é propaganda de TV, mas tem exatamente aquilo de que você precisa.
Deus não é alimento orgânico, mas faz muito bem ao coração.
Deus não é humano. Mas também não é só divino - Natal.

Ele nos atende e acolhe, sem mandar a conta.
Ele encanta e atrai, sem precisar de lucro.
Ele é cuidadoso e atencioso, sem segundas intenções.
Ele dá tudo o que precisamos, sem esperar nada em troca.

Ele é não é nada do que muitos acreditam. E tudo o que podemos acreditar.

Porque ele tudo ao mesmo tempo, o tempo todo.
E ao mesmo tempo, é uma coisa só:
Ele é Amor.

Nothing Special?

One weekend, Brasil Lutheran University's music group went to a youth gathering in the state of Santa Catarina. On the way there, the road was clear and traffic was light. The return trip was a different story, however. Traffic was heavy as cars and trucks filled the lanes. That being said, however, nothing special happened. We drove on until we arrived safely at our homes.

And what's so special about this?
Nothing. But, then again, everything.

If there had been an accident and I survived to write this devotion that would have been reason enough to thank the Lord. Right? Isn't the fact we traveled almost 1000 miles with not even a flat tire all the more reason to have hearts of thanksgiving for our Father's care for seven travelers in two cars?

Oddly, it seems we are more ready to give thanks when bad things happen and we are delivered than for all the good God does in our lives. Sometimes -- many times, in fact -- our hectic routines get in the way and we don't even notice His work in our lives.

Still, our Lord Jesus is loving and patient. His presence and care are the signs on our road keeping us safe. Some alert us that repentance is needed ahead, requiring us to stop and think. Others motivate and fuel us to greater faith by reminding us that safety, help, forgiveness, and love are ours and given to us freely -- with a toll. He paid the price by dying in our place, so we can arrive safely.

Nothing special?

Hardly. It's always special. God's protection and guidance as we navigate this world and blessings beyond compare.


>Devotion published today by Lutheran Hour Ministries.

Concerto de Advento - Zero Hora


quinta-feira, dezembro 10, 2009

“O contentamento torna ricos os homens pobres. O descontentamento torna pobres os homens ricos”.

Benjamin Franklin

Duas perguntas

O Toque de Vida de hoje tem duas perguntas.

_Qual é o presente que você gostaria de ganhar neste Natal?

Ganhar presentes é tema constante na maioria das mentes nesta época, já que o Natal tem sido um tempo de troca de presentes entre familiares e amigos. Secretos ou não.
Agora o interessante é que, quando se debate sobre esta pergunta, não é só ‘carro, casa, carrinho, boneca, dinheiro e emprego” que aparecem na lista. Na verdade, em geral emergem temas como saúde, paz, reconstrução do relacionamento com alguém, melhora de alguma enfermidade. Também amor, sorriso, afeto. Até mesmo um abraço. Aconteceu, por exemplo, hoje mesmo, em um momento devocional aqui no campus
Ou seja, predominam aqueles presentes que são impossíveis de comprar mas que, em quase todos os casos, todo mundo é capaz de dar. E que, não raro, submergem em nossa rotina de busca constante pelo que o nosso bolso costuma desejar.

A outra:
_Qual o presente que você gostaria de dar neste Natal?

Diz a Bíblia que “melhor é dar do que receber” e, de fato, tenho encontrado pessoas que manifestam maior alegria e prazer em dar um presente do que receber.
E também nesta segunda pergunta, mesmo que surjam bens materiais e produtos de prateleira compráveis na lista, lá vêm eles de novo. Aqueles, os presentes que ninguém paga, nem compra, mas quase todos podem ser entregues por qualquer um de nós. Harmonia, tranqüilidade. Paz. Carinho, melhora nos relacionamentos. Presença. Perdão.
E aqueles que não se pode dar diretamente – saúde, emprego, conquistas – podem ser desejados e colocados em oração.

No Natal somos lembrados que Deus fez algo que nenhum pai ou mãe faria. Deu à humanidade, de presente, o seu próprio Filho. E não se arrependeu. Porque era o que mais nós precisávamos, e só Ele poderia dar. Esta é a resposta de Deus às nossas maiores perguntas. Aí, todos os demais presentes de Natal ganham sentido e podem ser dados, recebidos, desejados e apreciados com todo o seu valor.

Não sei qual foi sua resposta às duas perguntas. Mas de uma coisa tenho certeza: respondê-las a partir da fé no coração gera um produto que nenhuma propaganda jamais vai poder oferecer.

terça-feira, dezembro 08, 2009

“De vez em quando você precisa dar uma parada e visitar você mesmo”.

Audrey Giorgi

Mão única

Fonte da imagem


Achar vaga na rua em uma capital não é nada fácil. Por isso, lá estava eu dando voltas, tentando um lugar para estacionar. Depois de idas e vindas, percebi que havia espaço numa rua lateral, mas precisaria fazer manobras para chegar até ele. Daquelas “direita, direita, direita de novo” e você está lá.

A primeira das direitas, bem. A segunda, igualmente. Na terceira...azar. A rua era de mão única. Só vinha, não ia. Já comecei a reclamar mentalmente de que, após tanta circulação, não iria sair onde queria. Segui em frente, contrariado.

Para descobrir que, mais adiante, estava a rua que também ia, não só vinha.. E que, na verdade, aquela era a 'direita certa', em que eu precisava entrar. Eu tinha tentado cedo demais. A rua que eu achei que era a certa, não era. Era a próxima.Fiquei irritado muito cedo e em vão...

Foi a ilustração acertada para o meu dia, já que mais cedo havia recebido informações que não haviam me deixado lá, digamos, uma avenida aberta. O trânsito ficou congestionando na mente e também no coração. Parecia que o que havia pela frente era rua de mão única, só vindo, sem possibilidade de outra direção.

Mas sempre é melhor pensar bem. Talvez Deus esteja dizendo que é na próxima rua que está a direção certa. A oportunidade. A melhor compreensão. E, se eu não tiver mão única em meu pensamento, vou enxergar melhor seu jeito de agir, que não raro ultrapassa a minha razão. Não preciso reclamar tão rápido, não preciso achar tão ruim com tanta rapidez. Ali, na próxima à direita, vai estar a rua certa, onde estão as vagas para o que precisa acontecer.

Viver a fé na prática pode ter muitas vias, vagas, voltas, possibilidades. Por isso esta fé precisa vir da Mão Única – a Dele -, para sempre ter fundamento e direção.

segunda-feira, dezembro 07, 2009

"Viva de uma forma que você não ficaria envergonhado de vender seu papagaio para o fofoqueiro da cidade".

Will Rogers

sábado, dezembro 05, 2009

Aniverário - 10 anos

A capela da Igara, uma das comunidades da Celsp, celebra 10 anos. Neste domingo, 06.12, um culto especial, com gravação para a Ulbra TV. às 10h, no galpão crioulo do campus em Canoas.



“É difícil acreditar que uma pessoa está falando a verdade quando você sabe que mentiria se estivesse no lugar dela”.

H.L. Mencken

sexta-feira, dezembro 04, 2009

10 anos - Capela da Igara

A capela da Igara, uma das comunidades da Celsp, celebra 10 anos. No domingo, 06.12, um culto especial, com gravação para a Ulbra TV. às 10h, no galpão crioulo do campus em Canoas.



Concertos de Advento 2009

Orquestra e Coro Sacros da ULBRA realizam apresentações

Três concertos marcam o período que antecede o Natal, o Advento. Participam a Orquestra e Coro Sacros da ULBRA, Corais das Comunidades Luteranas ‘Da Cruz’ e Concórdia e o Grupo Vocal da Concórdia, além de músicos e solistas convidados.


Os concertos serão realizados nos dias:

_ 06/12 (Av. Cel. Lucas de Oliveira, 894 – Porto Alegre),
_12/12 (Av. Farroupilha, 8001 – Canoas)
_13/12 (R. João Obino, 130, Petrópolis – Porto Alegre),
sempre às 20h.

Entrada: 1kg de alimento não perecível. Informações pelo telefone 3061.2823 e 3334.1110.



(Fonte: ACS Ulbra)

Destaque para o dia 12.12, na capela da Ulbra, quando será gravado como especial da Natal da Ulbra TV.

Carrinho

O que você mais costuma fazer quando vai fazer compras? Utiliza carrinho, cestinho ou carrega com as mãos mesmo?

Uma vez que as três alternativas são possíveis, a resposta provavelmente seria: ‘depende pra quê”. Quando carregamos com as mãos, normalmente é coisa rápida, estamos comprando o necessário para pouco tempo. Um dia, ou que sabe alguns. Já com o cestinho, um pouco mais de tempo, e a chance de ser algo mais duradouro aumenta. Uma quantidade um pouco maior de itens, possivelmente para uma semana, ou mais. Quando recorremos ao carrinho, entretanto, a tendência é que sejam as compras para a despensa aguentar mais tempo. Mais itens, mais tempo. Compras do mês.

Salvo as exceções, é claro, como encher o carrinho de bebidas e carne que vão durar um dia ou dois, ou levar nas mãos pequenos objetos duráveis. Ainda, pegar o carinho só para carregar dois ou três itens ou encher as mãos até não mais conseguir carregar.

Mas em geral o que se observa é que quanto mais tempo as compras devem durar, maior o recipiente pra poder carregar.

Até onde queremos ir com nossa fé? A resposta determina, em grande parte, o quanto vamos carregar. E o quanto tudo vai durar. Se usamos somente as proprias mãos, não vamos muito longe. Não temos condições de segurar. Se pensamos somente no cestinho das nossas força, ali adiante um tropeço, uma fraqueza, podem nos fazer ficar sem forças para continuar a caminhar.

É quando o carrinho está cheio que sabemos, não vamos parar semana que vem, nem no próximo mês. Na verdade, é pra não acabar a vida inteira. Despensa vitalícia..E neste caso, não somos nõs que estendemos a mão para abastecer - o carrinho, ou melhor, o coração é preenchido por Deus que, como diz aquela ilustração do supermercado do céu, nos dá tudo o que mais precisamos sem preço nenhum. Sem crédito rotativo nem parcelamento no cartão. É Graça, de graça. Já foi comprado e pago por Jesus Cristo. Carrinho cheio, coração abastecido, ao alcance do coração, todos os dias. A cada corredor da existência humana que viermos a percorrer.

Para estarmos sempre bem supridos do que realmente nos faz viver.

Unfriend

Every year New Oxford American Dictionary names a “word of the year". A new expression emerging from people’s conversations. The last editions have usually chosen entries from the virtual environment.

That was not different for 2009. The word chosen is 'Unfriend'. The definition is: a verb that means to remove someone as a ‘Friend’ on a social networking site, such as Facebook, as Reuters reports it.. Probably the same meaning of clicking ‘unfollow’ on Twitter.

A bad word to be awarded with such a distinction, don’t you think? Unfriend. Ok, sometimes we need to avoid certain companies when they are not friendly But it’s definitely not good news to be unfriended personally whether in the virtual world or in real life.

There’s a familiar hymn among Christians that goes: “What a friend we have in Jesus.”. Whether in the virtual or the real world He connects to our hearts by faith and doesn’t leave it - unless we unfriend Him. He won’t press the button to unfriend us because he is not guided by emotion. Neither will He let the humor of the day or a harsh message scribbled on a wall cause him to delete us. Not even severe critiques make him let loose. He doesn’t push buttons to remove people and profiles. The Master gave His own life for all human beings which means He’s not going to send someone overnight to the spiritual trash bin. The world, the internet and people today may be hasty in all that they do, bur Christ always has time for us. For all time.

And so sometimes someone decides to unfriend us in the real or virtual world. That kind of thing happens. But what we cannot allow to happen is forgetting what a Friend we have in Him. And not only ‘a’ Friend but The Friend that never defriends or unfriends us. His words, his verbs, they compel us to connection and action

A real friendship to be lived and shared with our real neighbors. Even when they are virtual.



Text revision:
Kim Starr
Wisconsin, USA

quinta-feira, dezembro 03, 2009

No Natal, Jesus nasce em nossos corações. Desde que não haja outras coisas ocupando espaço por lá.

(L.A.)

Pegos

Esta semana aprendi mais uma da internet: Ser ‘Rick rolled’. Não é algo recente, mas pra mim foi novidade.

É uma espécie de ‘pegadinha’ americana, como explica este site. Uma pessoa indica um link na web que supostamente é relevante para um assunto que está sendo discutido. A isca para a brincadeira são frases do tipo: “E aí, já viu as fotos de fulana na revista tal?” “Chocante! Imagens do acidente tal”, “Cenas inéditas do escândalo x”. E outras chamadas que aguçam a curiosidade humana. Ao clicar, no entanto, o que aparece é o clipe de Rick Astley, “Never gonna give you up” (“nunca vou desistir de você”), de 1987. Quando a pessoa clica, vê que caiu na pegadinha. Resultado? ‘You’ve been Rick rolled’. Numa tradução livre, “Você acabou de ser Rick-zoado“.

Resgatei este viral americano, que surgiu em 2007, porque me parece que ele retrata o espírito do Natal de nossos dias. Pelo menos no mundo Ocidental. Ao que parece, estamos sendo rickrolleados a cada novo dezembro. Inúmeras chamadas, ‘links’ que aguçam a esperança humana, surgem em nossas telas de televisão, capas de jornal, páginas de internet e conversas de esquina. Promovem e prometem mais paz, amor e prosperidade, união familiar. Tudo isso com preços ótimos, sem gastar muito e garantindo boas festas. Aí muitos clicam esperançosos de que o link conduza a algo relevante para o assunto em questão e, não raras vezes, é pegadinha Quando se percebe, são direcionados a roupas vermelhas e barbas brancas, consumismo, festas, presentes, palavras que parecem prender mas não preenchem o ser.

O estômago e a mente podem até ficar cheios. Mas o coração, não.

Para evitar o Natal Rickroll, o link correto é antigo. Mas verdadeiro, com o motivo central do Natal. Jesus Cristo nasceu na manjedoura para não deixar dúvidas de que é a conexão entre Ele e o Natal que estabelece sua essência e virtude. Neste caso não somos zoados, mas recebemos zoê, que em grego, que dizer ‘vida’. Quando este assunto está em questão, e para Ele a ligação precisa conduzir.

Conectados ao menino de Belém, não caímos em pegadinha, mas somos pegos em seus braços de amor para viver em fé. Uma pegada que traz alegria e celebração renovadas, porque com Ele vivemos a fé do Natal. Sabemos que somos pegos para viver em fé, felicidade, continuando a não desistir. E a fortalecer a nossa ‘pegada’ na luta diária.

Por sinal, o refrão desta canção de Rick Astley, ressignificado, se ajusta muito bem:: “Nunca vou desistir de você, nunca vou dizer adeus, nunca vou dar meia volta e te abandonar. Nunca te farei chorar, nunca direi adeus, nunca vou mentir e te magoar.”

Natal com Ele é clique certo, sem pegadinha. Somos pegos sempre pela mesma mensagem: “Você acabou de ser Deus-amado”.

Concertos de Natal

Orquestra e Coro Sacros da ULBRA realizam apresentações

Três concertos marcam o período que antecede o Natal, o Advento. Participam a Orquestra e Coro Sacros da ULBRA, Corais das Comunidades Luteranas ‘Da Cruz’ e Concórdia e o Grupo Vocal da Concórdia, além de músicos e solistas convidados.


Os concertos serão realizados nos dias:

_ 06/12 (Av. Cel. Lucas de Oliveira, 894 – Porto Alegre),
_12/12 (Av. Farroupilha, 8001 – Canoas)
_13/12 (R. João Obino, 130, Petrópolis – Porto Alegre),
sempre às 20h.

Entrada: 1kg de alimento não perecível. Informações pelo telefone 3061.2823 e 3334.1110.



(Fonte: ACS Ulbra)

Destaque para o dia 12.12, na capela da Ulbra, quando será gravado como especial da Natal da Ulbra TV.

Promoção 5 anos

Já viu a promoção dos 5 anos do Toque de Vida na Ulbra TV? É só até amanhã.
Vale Livro do Toque de Vida e CD de Natal do Vocal 'Carpe Diem'.

quarta-feira, dezembro 02, 2009