Com clareza

O garoto comia uma maçã no banco de trás do carro, quando perguntou:
-Pai, por que a maçã ficou marrom?
O pai respondeu:
-Pelo seguinte, filho: depois que você mordeu a casca a polpa da maçã, ela entrou em contato com o ar, o que fez com que oxidasse e assim, tivesse sua estrutura molecular alterada, fazendo com que ficasse com uma cor diferente.
Após um certo silêncio, Mateus perguntou suavemente.
-Pai... você está falando comigo?”


Às vezes temos a mesma reação diante da Palavra de Deus. Parece, às vezes, que não foi escrita em nossa língua, com passagens de difícil compreensão. Mas à medida em que a estudamos, e ela passa a fazer parte de nossa vida cotidiana, com mais clareza e segurança podemos ouvir a voz do Pai falando aos nossos corações.

Ao iniciarmos um novo ano, muitas são as vozes que tentam se fazer ouvir, com palavras, promessas e previsões - aparentemente claras e confiáveis. Mas se não vêm do Pai, não valem a pena. É muito mais seguro prestar atenção ao que Ele diz. Sua Palavra é orientação certa para não só para o ano que inicia. É sustentação e força para a vida inteira..

Pois ela jamais oxida.


(fonte da ilustração)
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida