Os mais felizes

por Marcos Schmidt

Sou feliz? Se a resposta é "mais ou menos" ou simplesmente "não", onde está o problema? Falta de dinheiro, doença, dificuldades nas relações? No Relatório Mundial da Felicidade da ONU, o Brasil está em 24º lugar, enquanto países ricos liderados pela Dinamarca mantiveram-se os campeões, e países pobres da África permaneceram no final da lista. Mas, conforme o editor deste relatório, não é o dinheiro que traz felicidade. Interessante o que dizem nesta pesquisa, eles que são especialistas em economia, psicologia e estatísticas. As pessoas mais felizes: contam com uma rede social de amizade; praticam a generosidade em suas relações; se sentem livres para fazer escolhas na vida; vivem onde há menos corrupção nos negócios e nos governos; têm grande expectativa de anos de vida saudável; e têm boa renda econômica.

Na experiência de conselheiro, de fato, percebo que as pessoas de bem com a vida são aquelas que têm bastante amigos. E sem dúvida, são mais felizes os generosos, solidários, voluntários em auxiliar um colega, vizinho, parente, e até um desconhecido. Jesus disse nas Bem Aventuranças: "Felizes as pessoas que têm misericórdia dos outros, pois Deus terá misericórdia delas". Mas o item "liberdade" me chamou a atenção. Nesta semana apareceu no meu gabinete alguém que frequentava uma destas religiões que faz promessas de prosperidade, tudo na coação pelo medo. Sete demônios iriam segui-lo, caso abandonasse tal igreja. É um escândalo o que estes pregadores fazem, quando a Bíblia diz que Cristo nos libertou para que sejamos realmente livres (Gálatas 5.1) e que no amor não há medo (1 João 4.18). Na verdade, anunciam o modelo de felicidade que a propaganda impõe, que é preciso ter isto e ser aquilo para ser feliz,  um padrão que só colhe o contrário. Por isto alguém certa vez perguntou: "Vocês querem viver muito e ser felizes?" Ele mesmo respondeu:  "Então afastem-se do mal e façam o bem; procurem a paz e façam tudo para alcançá-la" (Salmo 34).


Pastor Luterano
Igreja Evangélica Luterana do Brasil
Comunidade São Paulo, Novo Hamburgo, RS


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração