sexta-feira, dezembro 16, 2011

Na hora


Como você costuma ser com horário? É daquelas pessoas sempre pontuais, se possível, chegando até um pouco antes? Ou então é “sem stress”, se der pra chegar na hora tudo bem, mas não importa o horário, o importante é chegar?

De maneira geral, somos da cultura do relógio, da pontualidade. Bem, nem tanto assim... Mas reclamamos quando as coisas não começam na hora. No entanto, há lugares em que não é a cultura do relógio que impera, mas sim, a cultura da presença. O evento, o culto, a celebração, começa quando todos estão presentes. Quênia e Tailândia são dois exemplos. O valor maior não está na pontualidade, mas na comunidade.

Os seres humanos variam em termos de pontualidade. Mas existe alguém que sempre chega e age na hora certa. E o Natal é lembrança disso. Deus agiu na plenitude do tempo, enviando seu Filho Jesus Cristo para nascer de Maria e salvar o mundo. Trazer perdão e vida que somente Ele dá.

Além disso, age sempre na hora em nossa vida. Mesmo que a hora certa não seja a nossa hora. Mesmo que reclamemos de atraso. Quando as coisas acontecem, é porque, no relógio Dele, a hora chegou. É assim que podemos viver em paz e confiança sempre, já que caminhamos em fé com aquele que é o Dono do tempo.

A cada novo dia, portanto, esta certeza pode permanecer. Quando se trata da ação de Deus, é sempre a hora certa.




Pastor Lucas André Albrecht
www.twitter.com/lucasdje
Postar um comentário