segunda-feira, novembro 21, 2011

Campanha pela vida

Talvez você já tenha visto a frase em algum lugar.  “Campanha pela vida: cada um cuida da sua”.

A proposta parece vir do contexto em que se quer afastar a fofoca e a bisbilhotice; bloquear aqueles que se preocupam em pesquisar e divulgar maldosamente os problemas e defeitos das pessoas. Faz sentido, já que, quem age assim, na verdade está tentando puxar o outro para o seu nível de dependência e dificuldade.

Por outro lado, ela não faz sentido quando comparada com o mandamento de Jesus Cristo: “amarás o teu próximo como a ti mesmo”. Na verdade, a vida cristã é exatamente o oposto desta campanha. Uma vez que Deus cuida de nós, se importa conosco e nos acompanha, temos a oportunidade e privilégio também de cuidar dos outros. Auxiliar, amparar, rir junto, chorar. Ser presente.

Foi o que fez Jesus Cristo, Diante da nossa situação de afastamento de Deus, poderia ter dito “cada um cuida da sua vida e acha um jeito de reconstruir o relacionamento perdido”. Mas não disse. Ele agiu, dando sua vida por todas as demais, e deixando claro que, pela fé, age para cuidar de cada um. E estimula a todos a cuidarem uns dos outros, sejam os mais próximos, sejam mais distantes, às vezes até estranhos. Cuidar do próximo é um gesto de amor para ser feito com as condições que se tem, a quem for possível, na quantidade que for alcançável. Por isso, a campanha pode ser esta: Campanha pela vida: Jesus cuida de todas; nós, da nossa e de quem mais estiver ao alcance cuidar.

O que faz até mesmo dos que querem ‘cuidar’ da nossa vida pessoas que precisam do nosso ajudar.
Rev.Lucas André Albrecht
www.twitter.com/lucasdje
Postar um comentário