quarta-feira, maio 18, 2011

Conquista e vida

Um homem de certas posses viu-se, depois de muitos insucessos, preso a dívidas quase impagáveis. Em desespero, passou a procurar maneiras de saldar seus débitos. No entanto, acabou procurando meios ilícitos de conseguir os valores necessários. Lançou mãos de recursos errados, abusou da boa fé de amigos e foi duro até com familiares, pois queria conseguir dinheiro de qualquer forma.

Certo dia alguém próximo perguntou:
-Amigo, você tem certeza de que quer continuar neste caminho errado?
-Olha, veja bem, pode ser um pouco errado, mas preciso salvar minha vida! – foi a resposta.
Ao que o outro respondeu:
-Só cuide que para que, ao tentar salvar esta vida aqui na terra, você não perca a vida lá no céu.

Estas palavras fizeram aquele homem pensar. De fato, estava desperado tentando salvar sua vida mundana, enquanto a vida que mais importava, por causa de seu desvio do Caminho, estava em risco.

Este mesmo risco corremos todos. Na busca pelo sustento e crescimento, que são proveitosos e necessários, podemos ser tentados a métodos sem proveito e completamente desnecessários. Mais que isso: perigosos. Pois não é possível coexisitirem no coração a vontade de amar a Deus e a vontade de praticar o erro constantemente.

Perdão é o caminho que Deus oferece para o coração que, reconhecendo o desvio, retorna, em fé, para os braços de Jesus Cristo. Viver a vida que mais importa, que conforta e que realmente permanece. Para poder viver a vida neste mundo sem perder de vista a vida eterna. Viver para conquistar somente o que realmente é preciso para viver.

Vida onde nem sempre se tem todos os bens e conquistas que nossa mente sonha. Mas nos leva à conquista que nosso coração mais precisa.
Postar um comentário