Só os loucos sabem

O título e o refrão da música “Só os Loucos Sabem”, da banda Charlie Brown Jr., apresentam a idéia de que existem coisas que somente as pessoas consideradas “loucas” têm conhecimento. Será que é verdade? O que isto significa? O dicionário traz o seguinte significado para loucura: “doença mental, doidice, demência, insanidade”. É evidente que o sentido de loucura nesta música não possui estes aspectos, mas algo diferente: loucas seriam as pessoas que não caminham com a multidão, não fazem o que “todo mundo faz” e não pensam como “todo mundo pensa”.

Você já foi chamado de louco por fazer o que é certo? Assumiu sua nota ruim e recusou aquela cola que o colega lhe ofereceu; devolveu o troco para o caixa que se enganou; estendeu a mão para a pessoa “esquisitinha”, quando todos só encontravam defeitos nela; falou a verdade, mesmo quando uma “mentirinha” o livraria de muitos problemas...?

Se você já se sentiu meio “maluquinho” por fazer o que é certo, saiba que não está sozinho...Os cristãos constantemente são considerados loucos. Afinal de contas quem, em seu juízo perfeito, consegue compreender a mensagem da cruz? Quando a sentença mais lógica seria: “você tem que pagar pelos seus erros”! Deus anula a culpa por causa do que Seu Filho fez. Quando todo mundo diz: “cada um tem o que merece”! Deus nos cobre de amor, mesmo quando não merecemos. Quando a mensagem mais comum é: “resolva a sua vida, preocupe-se com você mesmo”!, Jesus Cristo apresenta o sacrifício em favor dos outros.

Não seria isso tudo uma grande loucura?

É verdade que os cristãos dão motivos para serem considerados loucos ao seguirem os passos de Jesus. Também é verdade que aos olhos de muitos o sentido dessa “loucura” seja algum tipo de demência ou insanidade. No entanto, trata-se da incrível habilidade de ver o que nem todos vêem e fazer o que muitos não querem fazer: optar pelo caminho certo!

Como é viver esta mensagem, esta proximidade, este amor?
Só os loucos sabem...


Rev. Peterson Machado
Capelão da Escola Ulbra Concórdia
Candelária, RS
5 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tempo de uma vida

Com consideração