que porta?


É comum ouvirmos frases, comentários ou conselhos unindo Deus/fé e porta. "Quando Deus fecha uma porta, logo abre uma janela". "A fé em Deus nos abre portas". "Ele vai abrir as portas pra você". E outras variáveis. Em cada uma, vai a certeza que, de alguma forma Deus mostra a porta certa no momento certo.

É, mas... e que porta? Como ela é? Está aberta ou ainda fechada?
Já pensou nisso?
Eu sim, hoje. E lembrei que de vez em quando, ao pedir a Ele portas abertas, já vou imaginando e tentando determinar qual, que tamanho, cor e, se deixar, até se abre pra dentro ou pra fora.

Só que, às vezes, a porta é pequena. Passamos raspando. Outras, talvez só agachados. Algumas ainda estão chaveadas, leva um tempo até podermos seguir. E, claro, outras, verdadeiros portais, dando toda a dimensão do significado de oportunidade e conquista quando se trata de uma bênção divina. Quem decide é Ele.

Essa é uma das horas em que nossa fé mais é testada. Por isso mesmo, é a hora de confiar ainda mais. Se você sabe que foi Ele quem a colocou, sabe que Ele é quem abre. Confie! Aliás, Jesus mesmo é a porta, pela qual passamos para ter a certeza de estarmos perto do Pai. Se a porta é Dele, já de saída sabemos que não há como não nos conduzir ao lugar certo. Para nós até pode parecer errado. Ficamos meio sem entender, perguntamos se é aquela ali mesmo, ou tem outra pra esperar... Mas acredite. È aquela ali mesmo, naquele momento, naquele lugar.

"Quando Deus fecha uma porta... confie"

"Quando Deus abre uma porta...confie".

Não importa a porta. Confie. Aquele que oferece portas é o mesmo que já está nos esperando do outro lado, para seguirmos em frente.
1 comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida