Em seu lugar


Pra mim e pro Gera até que não foi tão difícil trocar de papéis, Ele, colorado, eu gremista, e cada um com a camiseta do outro. Uma troca que não tem maiores conseqüências e que não salva nem ganha a vida de ninguém.

Mas a troca de lugar relembrada neste fim-de-semana mudou nossa vida. Jesus assumiu nossa camiseta, pesada demais, cheia de erros e do time errado, e foi com ela pra cruz. Foi rebaixado, mas ergue-se e conquistou a vitória que ninguém mais poderia ter. E, pra completar, nos deu a camiseta que nos garante vida eterna. Não de um time específico. Mesmo o sangue sendo vermelho, o céu azul, e a roupa dos salvos, branca(em Apocalipse), no prisma celeste todos os que crêem em Sua vitória na manhã de Páscoa fazem parte de uma seleção especial. São titulares absolutos e vão jogar os 90 minutos da vida. Fora a prorrogação, no céu - a eternidade inteira!


********

PS: Jà pensou, a eternidade inteira jogando futebol?...
7 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração