Por quem?

Vinte segundos após decolar, um voo da Air Florida, partindo do aeroporto de Washington, EUA, caiu no gelado rio Potomac, em 1982. Rapidamente, um helicóptero da policia estava no local e lançou uma corda. Arland Williams, um dos passageiros, alcançou a corda e a passou para um outro sobrevivente, que foi içado. Ele fez isso cinco vezes - passou a corda para as pessoas serem salvas. Antes da sexta tentativa, ele desapareceu nas águas congelantes do rio, para nunca mais ser visto.

Uma grande história de desprendimento e auto sacrifício. Aquelas cinco famílias das pessoas salvas certamente não encontram palavras para agradecer alguém que deu sua vida para salvá-las.

Por quem estaríamos dispostos a isto? Um filho, um mãe? Um amigo, um grande amor? Doar-se ao outro, até mesmo dar a própria vida, não é fácil, pois tendemos a nos preservar.

Pensando nisso, é ainda mais espantoso pensarmos no amor de Deus. Deus a vida de seu próprio Filho para que todas as pessoas, mesmo desconhecidas, tivessem chance de fé e vida. Para evitar que congelassem de amargura e desespero e fossem içadas para perto do Seu coração.

Um grande Amigo, Um grande amor. Uma obra completa.

Foi por você.


 P. Lucas André Albrecht


( Fonte da ilustração: Lutheran Hour Ministries)
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração