Programação

Imagine você assistindo à final do Campeonato Mundial de Clubes na qual seu time está jogando. Faltam poucos minutos e a partida está completamente indefinida. De repente, o único canal onde o jogo está passando encerra a transmissão, pois, em função de atrasos durante a partida, atingiu o tempo previsto na grade de programação. Inicia, então, a próxima atração, o filme “Heidi”.

Esta situação aconteceu. Foi em 1968, na final do Futebol Americano(Superbowl), entre Jets e Raiders. Faltando um minuto de jogo, os Jets estavam 3 pontos à frente. Como eram 19h, fim do tempo previsto para a partida que começara às 16h, o canal NBC passou para o filme. Para piorar, os Raiders conseguiram 2 touchdowns naquele minuto, definindo a partida que ficou conhecida como “The Heidi Game”. As ligações enfurecidas foram tantas que o canal colocou no ar um pedido desculpa formal, e passou o minuto perdido. De lá pra cá, é obrigatório ao canal que está passando ir com o jogo até o fim, não importa se extrapolar o horário designado na grade.

Pense bem, será que não é por isso que lidamos com certas reações das pessoas que amamos, ou com quem convivemos? Será que não estamos, em alguns momentos, simplesmente seguindo nossa programação, sem ligar se é o que elas estão precisando naquele momento? De um pouco mais de tempo, de atenção, de cuidado, ou de ajuda? Seria possível não simplesmente seguir o filme de nossa vida, e ajudarmos o outro a conquistar o que precisa - nem que seja por um minuto?

Jesus Cristo cumpriu até o fim sua programação – vida, morte, e vida novamente-  para, pela fé, deixar ao nosso alcance esta ação. Em alguns momentos, abrir mão da nossa programação normal em função da vida de alguém cujo enredo pode estar precisando de atenção. Não por obrigação, por definição.  Afinal, não se trata de um mero campeonato ou troféu, e sim, um ser humano, uma pessoa próxima de nós.

O tempo dedicado a ela vale mais do que qualquer outra atração possa nos oferecer.


Rev. Lucas André
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração