Dar valor

Carros. Não costumamos nos dar conta de tudo que envolve estarem prontos para utilização.

Mas quantas áreas estão envolvidas em sua construção? Desde a engenharia, o design, a mecânica. A preocupação com segurança, estética, conforto. Depois de pronto, vem ainda a parte institucional, administrativa, mercadológica... E devo ter esquecido várias outras. No entanto, o que fazemos? Giramos a chave, dirigimos até onde precisamos e pronto. Dificilmente pensamos em tudo isso. Confiamos que tudo foi feito para dar certo.

Quantas coisas estão envolvidas na sustentação de nossa vida e nem sempre nos damos conta? Nossa parte “mecânica”, estética, funcional, psicológica, intelectual. A natureza, as pessoas, nossos dons, capacidades. Trabalho, aprendizados, conquistas... Geralmente, o que fazemos é acordar de manhã, ‘girar a chave” e rodar mais um dia inteiro até nos recolhermos à noite, aguardando o amanhã.

Não nos darmos conta, até é normal. Mas o pior é se não soubermos dar valor. Pois tudo isso é presente de Deus, o Criador e Doador de todas as coisas. Acredito que Ele até nem espera que nos preocupemos tanto com tudo isso o tempo todo. Não daria certo. E também ninguém de nós pode nem mesmo “acrescentar um centímetro ao curso da vida”, disse Jesus Cristo. Por ser quem é, Ele nos dá o que precisamos para sermos um todo.

O que podemos, sim, é ser gratos por tudo o que vem destas Mãos. E, impulsionados por Ele, vivermos confiando que sempre temos direção. Quando pensarmos sobre a vida, então, pela ótica da fé, podemos até nem saber dar nome e função para tudo o que Ele faz. Mas sempre saberemos dar valor.

Pois sabemos que tudo foi feito para dar certo.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração