Acontece

Acontece quando conquisto.
Quando visto alegria ao vencer.
Quando a mão estendida me alcança.
Ou consigo por fim perceber
o que estava adiante, confuso
e agora está mais fácil de ver.
Acontece o inevitável
O coração quer agradecer.

Acontece quando sigo, progrido,
quando a luz brilha em volta de mim.
Acontece no mais simples detalhe,
De um dia que pode não fim.
Sobrevem quando encontro um caminho,
Resolvendo, perdoando – esquecer.
Acontece o inevitável:
O coração quer agradecer.

Acontece também quando choro,
e não entendo o momento de dor.
Lá na frente o Sol deixa mais claro
o que posso aprender, sem rancor..
Acontece também no escuro,
no dificil, no tentar entender.
Acontece o que até me surpreende:
O meu peito quer agradecer.

Acontece, com frequência, e me aquece
a vontade de agradecer.
Mas a quem se dirige a corrente,
a que mar este rio vai correr?
Só um Ser pode ouvir com amor.
Com sentido a oração receber.
Ele é Deus, que conduz minha lida
Minha prece, os meus pés, minha vida.
-É a Ele, o coração vai dizer.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida