Em frente

Dou mais um, talvez dois passos
e já não paro, não espero.
Porque logo ali, adiante
Pode estar o que mais quero.
Penso mais um pouco
Mas penso mais adiante.
Porque já tive medo
Já estive tão distante...
E então errei o passo.
Mas, de agora em diante,
seja grande ou pequeno,
será um salto importante.

Abrir o peito não é fácil
Mas fechar a porta é bem pior.
Pois nada alivia a dor incrível.
do coração que aprisiona o que é passivel
de o tempo transformar em amargor.
É por isso que sigo, caminhando
Ando sempre, mesmo quando parar.
Sentar á sombra é bom às vezes
Mas só se é Deus a parada, o descansar.

Dou dois passos, mas também altero
o que pensava poder fazer.
Pois é só quando em fé que alcanço
Aquele que consegue me mudar
O continuar, seja o que for preciso
Porque é com Deus que ainda consigo
Entender como caminhar.
Encontrar com Ele Abrigo
que dá forças para caminhar..

É só Nele que me inspiro
Só com Ele, prosseguir
Pois a cada dois passos mais eu vejo
que fica mais claro aonde devo ir.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração