Tema

Estamos construindo o Toque de Vida de hoje, o Pastor Grasel e eu. Trocando idéias que podem gerar o tema do dia. Ele senta em minha frente. Tem uma sugestão.

“Em Bali, um turista gaúcho bêbado
atropelou cinco pessoas, matando uma mulher. Ao perguntarem ao marido da vítima o que ele sente em relação ao rapaz, ele respondeu algo como: se este motorista acertar sua situação diante de Deus, a coisa mais importante já está resolvida.”

Diante do duro golpe da perda da mulher, a importância que este homem dá ao resolver primeiro as coisas diante de Deus, antes da justiça dos homens!... Ele não fala primeiramente em dinheiro ou indenização. Fala em perdão.

Perdão que para os judeus será lembrado em 8-9 de outubro, na data conhecida como
yom kippur., comenta o pastor Grasel

Por outro lado, lembro que no cenário político de nossos dias perdoar não é o verbo que mais se ouve falar. Em geral temos o relembrar, alfinetar e cobrar. Quando muito, o esconder, quando um não fala do outro para o outro falar de um.

O Pastor Marco, que também entra na sala, relembra a crise financeira mundial, comentando que também nesta área não costuma haver muito perdão. O mercado é impiedoso. E frequentemente cruel.

Perdão, portanto, acaba sendo o tema que emerge de nossa conversa.

Do ponto de vista jurídico, perdão é uma palavra meio rara. Do ponto de vista da lei de Deus, entretanto, é presença diária, constante, que faz parte do calendário da fé a cada amanhecer. Pensar no outro, portanto, em momentos tensos, de ressentimento e de dor não é fato comum. Mas é fato possível. Dentro do amor de Deus.

O que traz à memória a verdade de que o mais importante na vida é como estou diante de Deus. Depois vem a minha situação, reputação, consideração diante dos homens. Aliás, quando a primeira está bem, costuma ter reflexos na segunda.

Mas o principal motivo do registro deste nosso bate-papo teológico é lembrar da alegria que Deus nos proporciona quando temos pessoas com quem conversar, trocar idéias, crescer. Não julgarmos que temos apenas a ensinar e falar, mas também a ouvir e aprender. Deus coloca amigos e colegas em nossa vida para que até mesmo os temas mais constantes – como o perdão – continuem constantes em nosso dia-a-dia, para nunca deixarem de ter o seu merecido valor.

E se este não era o tema que você precisava para hoje, não há outra coisa a fazer: perdão, estimado leitor.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Inveja e justiça