Verbo

Qual é o verbo que está diante dos particípios de sua vida?
Já notou como isso faz diferença? Por exemplo:

Cansado
Abatida
Deprimido
Insegura

Se o verbo que vem antes for no presente, é um tipo de situação. E só imagino como está sendo o seu agora... Mas se for no passado, creio que a situação está começando a melhorar.

Os particípios, muitas vezes, vêm acompanhados de verbos indicando ações ou que estão em curso ou que foram encerradas. E isto faz diferença. “Estou ferido” é diferente de “fui ferido”. “Estou errado” significa algo não tão igual a “estava errado”. “Fui feliz” muda muito ao dizemos “sou feliz”.

Deus nos propõe o melhor verbo para preceder a vida, o único capaz de jogar no passado o que mais nos incomoda.. No evangelho de João está escrito que Jesus Cristo é o Verbo, a palavra, de Deus, na forma humana. Diante de nosso coração, ele muda o quadro. ‘Errado, perdido, desesperançado’, são acompanhados de um verbo no passado, ‘estava’. Pois ele troca por um presente diferente. Estamos perdoados, somos renovados, somos amados, somos impulsionados a viver.

Claro, nem tudo vai estar sempre certo. Às vezes o ‘fui ferido’ ainda permanece sem troca verbal, insistindo em nos machucar. O que ressalta ainda mais a importância de utilizarmos o Verbo sempre. Por nos ligar a Ele de maneira definitiva direta, a fé nos torna objetos diretos e constantes de seu amor, apontando um presente com mais ações positivas. E revelando um futuro cheio de bons predicados.

Com este verbo diante do coração, todos os demais verbos de nossa vida ganham um sentido que nenhuma outra palavra dar.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Inveja e justiça