quarta-feira, abril 23, 2008

Pessoa assim

Alguém que devolve o dinheiro ou os documentos que encontrou. Um gesto de gentileza sem interesse pessoal. Políticos com boas intenções. Promessas cumpridas sem registro em cartório. Anunciantes que falam a verdade.
“Não, este tipo de pessoa não existe hoje em dia”.

Em quantas coisas deixamos de acreditar em nossa vida?
Nos vizinhos, nos vendedores. Nas instituições, nos profissionais. Na ascensão profissional, na possibilidade de voltar a estudar. Na bondade, no amor, na amizade. Num futuro melhor. Às vezes, deixamos de acreditar em nós mesmos. E no meio disso tudo, podemos até desconfiar de Deus. Porque Alguém que nos oferece de graça, na porta de casa, ou melhor, do coração, todo perdão, amor, paz e alegria de que precisamos... hum... acho que este tipo de Pessoa não existe mais...

Mas acredite, existe. Podemos até deixar de acreditar em criaturas. E até normal e, dependendo do que for, não podemos confiar mesmo, pois são falíveis. Mas não dá pra deixar de crer no Criador. Ele é o tipo de Pessoa que é capaz de fazer as coisas mais inesperadas. Uma ligação quando não esperávamos, uma ajuda quando já estávamos desistindo. Um carinho quando estávamos ressecados. Uma oportunidade quando só enxergávamos dificuldade. Perdão para o pior erro. A vida de seu Filho para termos acesso á Vida.
Não creio, portanto, que o melhor seja desistir, mas sim, confiar que Ele nos encontra onde estivermos. Pois é a Aquele que conhece nosso endereço, nosso nome. Sabe nosso DNA. Alguém em quem acreditar até de olhos fechados.

O tipo de Pessoa que não se encontra em qualquer lugar.
Postar um comentário