Cheque em branco

Alissa e Barry faziam uma refeição no Salami's Café in Pella, Iowa, EUA, em fevereiro deste ano, quando um homem desconhecido entrou no local e puxou conversa. Após algum tempo de papo, o estranho colocou um cheque em branco em cima da mesa e disse: “preencham com a quantia que quiserem”.

Pensando tratar-se de um a brincadeira, o casal escreveu US$ 100.000,00. Como condições para o presente, o estranho pediu que eles nunca revelassem seu nome; que construíssem ou comprassem uma casa. E que, se tivessem algum filho juntos, que colocassem o nome dele, já que nunca tivera o privilégio de ter netos.
Assinou e foi embora.

No dia seguinte, Barry e Alissa ainda estavam na dúvida sobre o que fazer com o cheque. Resolveram tentar descontar e... o cheque tinha fundo! Agora, ambos planejam o que fazer com o presente inesperado. E dizem que pretendem manter a parte do nome do futuro filho.
.“Por que não sou eu o sortudo de ganhar um presente assim?...”, pode ser um de nosso pensamentos.

Entretanto, nós somos, sim.

Basta pensar que cada dia de vida que Deus nos dá é uma espécie de cheque em branco, para ser bem utilizado.
Cada pessoa que Deus coloca em nosso caminho tem um coração que pode ser preenchido com valor e consideração, sem brincar com seus sentimentos, mas investindo em seu caráter e valor individual. Compensando deficiências e creditando amor e consideração.
Cada oportunidade que Ele coloca diante de nossos olhos - e que em muitos casos levamos na brincadeira... - pode nos render grande saldo positivo
A nossa vida em si se torna um grande e maravilhoso presente quando recebemos o nome de Seu Filho. Nas mãos de Deus, por meio da fé, torna-se liquidez de valor acima de qualquer medida. Não dá, então, para considerá-la uma brincadeira, mas sim levá-la a sério sob os Seus princípios e orientações. Claro, sem perder a alegria e o espírito de descontração, mas sabendo que temos um grande presente em mãos, para ser utilizado conforme a orientação Daquele que já não é mais estranho ao nosso coração.

Um presente para ser preenchido com o mais alto valor hoje. E continuamente.
Pois, como todo cheque bom, também a vida nunca volta.



Ilustração via LHM
Notícia:
ABC News / Em português

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida