Existência de Deus

Um padre e cosmólogo polonês que sustenta a possibilidade de comprovar matematicamente a existência de Deus é o vencedor do mais polpudo prêmio acadêmico do mundo.

"Invariavelmente eu me pergunto como pessoas educadas podem ser tão cegas para não ver que a ciência não faz nada além de explorar a criação de Deus.", comenta Michael Heller, 72.

Leia mais.

Claro, existe sempre a crítica, e pessoas como
Richard Dawkins questionam o prêmio, alegando que só é dado a quem defende teses conservadoras cristãs.

Impressão minha ou a possibilidade – sempre real – de que a ciência seja obrigada a se render à existência de Deus às vezes assusta alguns cientistas?
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração