Sete

É o número do dia, e também de muita especulação, superstição e brincadeira.
E na Bìblia, o sete tem alguma significado especial?
Tem.

Especialmente no livro de Apocalipse. Nele, 7 é um número que simboliza a união do 4, que representa a humanidade (4 seres viventes, "quatro cantos do mundo") com o 3, que é indicação do Deus Triúno. É por isso que 666, neste livro especificamente, representa a besta, pois é a tentativa frustrada de se igualar, um "quase sete", repetida 3 vezes.
Ao longo de todo o último livro da Bíblia ele aparece, sete são as igrejas na Ásia, sete selos, sete chifres...sempre com o mesmo sentido.
Sete os dias da criação (6 mais 1 de descanso). Sete anos Jacó trabalhou para ter sua esposa, foi enganado pelo costume local, então trabalhou mais sete para ter a que amava.Cinco pães e dois peixes (7 itens) alimentaram uma multidão, pelas mãos de Jesus Cristo.

O sete , na Bíblia, aparece em diversas ocasiões, com um sentido especial.
Mas, note. NA BIBLIA.

Não existe nenhum elemente bíblico que nos permita transpor isso para fora dela e começar a procurar nos números 7 mundo afora qualquer significado, poder ou sentido mágico, poderoso ou divino. Assim como procurar 666 em tudo o que vemos não é sinal de nada. Estes números são simbólicos NA BIBLIA.

É o que eles apontam que continua valendo, Perfeição, só em Deus. O ser humano se completa quando está perto do Criador. E se afasta quanto tenta ser Deus, pois apenas quase consegue (6), e segue aquele que tenta nos afastar do Pai.

Por isso, as 07h07min07s do dia 07.07.07, podem servir para duas coisas.
Primeiro , para achar bonito e ou curioso. E também para lembrar de que o Deus 3 (triúno) liga-se ao 4(humanidade) através da fé, para nos fazer deste dia também um novo momento para contar bênçãos e oportunidades.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Inveja e justiça