Milagre

Fonte da imagem

Dia de decisão em Porto Alegre. A palavra mais utilizada por aqui é "Milagre", já que o Grêmio precisa de no mínimo 3 gols contra o Boca Juniors para ainda sonhar em ser Tri-Campeão da Copa Libertadores da América.

Sou gremista, mas este uso do termo está equivocado. Milagre é algo fora das leis da natureza. Seria o caso, de pro exemplo, se um gremista chutasse pra fora e a bola fosse pra dentro do gol.

Milagre mesmo é o que fez aquele cara de Nazaré: não bastasse contrariar em várias ocasiões as Leis da Fisica (andar sobre a água, transformar água em vinho, multiplicar pães e peixes), ainda voltou a vida três dias depois de morrer.

Comparado com isso, o "milagre" de que o Grêmio precisa hoje à noite não passa de tirar o doce da Boca. De adultos, é certo, mas sem milagres.

E, pro meu gosto, coisas como estas aqui não mudam em nada a situação.
1 comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração