Toque


Fonte da imagem

Joguei futebol até tarde, ontem, como acontece em algumas terças. Logo, minha noite foi de sono meio agitado, acordando volta e meia. Sabe aquelas madrugadas, meio acordado, meio dormindo, em que começa a dar dor no braço esquerdo e você pensa que é infarto, ou formigamento e você pensa que é derrame? Essa mesma. Sei que parece meio trágico. Mas acontece.


Mas houve um momento em que fiquei diferente. Foi quando a Djenane, que tinha ido dormir mais cedo, estendeu a mão e me tocou, para saber se eu já tinha voltado. Notou que eu já estava ali do lado e, então, voltou a dormir.

E eu também.

Simples assim. Só um toque. Mas pra mim naquele momento foi profundamente comovente. Pensando no lado de quem estende a mão, esperando encontrar alguém ao lado, para sentir-se de certa forma, mais seguro. Pensando em quem recebe o toque, sentindo-se feliz por ser importante para alguém, por poder, com apenas um toque, transmitir algo de bom para alguém que se ama.

Na próxima vez em que você estiver relutante se deve ou não fazer aquele gesto na direção de outra pessoa, não hesite mais. Saiba que você pode, com um pequeno toque, fazer o dia - e a noite - de alguém completamente diferente. Inclusive o seu.

E vai deixar Alguém lá em cima ainda mais feliz. Transformar fé ação, segundo palavras Dele próprio, funciona assim: "Toda vez que você faz algo a uma de minhas criaturas, é pra Mim que está fazendo".
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração