Perguntas

Professores de Teologia costumam dizer que, para uma boa compreensão da Bíblia e da teologia em si, precisamos começar com as perguntas certas.

E não é que muitas vezes a gente começa com as erradas? Especialmente em tempos de crises. Quando ficamos doentes, temos um acidente, ou estamos diante de alguma outra dificuldade, colocamos nossa atenção na pergunta: “quem é o culpado por isso?”. Mas há uma pergunta melhor a ser feita: “Como posso ver a ação de Deus nesta situação?”

Quando um homem cego, certa vez, veio até Jesus para ser curado, os discípulos fizeram uma pergunta errada; “Jesus, de quem é a culpa de ele ser cego?”. Pergunta errada dá em respostas erradas.

O Mestre mostrou que não há como responder a ela. Não se procura culpados, a não ser a causa geral, isto é, a imperfeição que permeia todo o mundo. O que Ele faz é responder a pergunta que eles não fizeram: “como pode ser vista a ação de Deus apesar disto?” E ele restaura a visão àquele homem.

Antes da resposta, procure a pergunta certa. Você tem um Mestre que direciona seu olhar para respostas que vão acabar sendo surpreendentes. Não importa a interrogação que a vida tenha lhe colocado.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida

Com consideração