Ibope


A medição de audiência é a alegria e o desgraça de uma emissora de TV. Representa a euforia do acerto ou a constatação do 'não sucesso". Minuto a minuto a vida do programa (ou até da empresa) é decidida pelo traço ou pelo pico de audiência, que vem de aparelhos instalados na TVs de um público direcionado, que deve ser representativo de todas as faixas da população.

Pela regra, atração boa é sinal de pico, e atração ruim, traço. Se bem que definir o que é bom e ruim ficou bem relativo; educativos ou formativos? Informativo ou entretenimento? Imagens de paz ou cenas de violência? E por ai vai...

Se a fé, em seu coração, fosse um medidor destes, registrando quando você está fazendo algo certo ou coisas erradas, qual seria sua audiência? E Deus, te assistiria muito ou pouco?

O legal é que o Ibope Dele funciona diferente. Não que ele goste do que fazemos de errado, mas é aí que ele mais nos acompanha, para nos mostrar que vale a pena mudar de atração, e apresentar algo que seja legal para Ele e que faça o bem ao próximo. Este medidor, fé, também pode alternar em pico e traço, mas a tendência é ficar numa média legal, Pois Ele não apenas o instala, mas também alimenta, cuida. E fortalece. Para os créditos finais apontarem a garantia da próxima temporada.

Intervalo.

Deixe aí nos comentários 3 programas a que você gosta de assistir.
18 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Só os loucos sabem

Tempo de uma vida